Gestão Dinâmica de Projetos com Life Cycle Canvas (LCC)

por Manoel Veras.

O mundo vem passando por grandes e aceleradas transformações influenciadas pela globalização econômica, pelas redefinições geopolíticas e pelo avanço científico e tecnológico. Dentre as consequências dessas transformações está o aumento acentuado da concorrência no ambiente empresarial e na forma de operar dos governos. Num mundo com escassez de recursos, as escolhas estratégicas são agora fundamentais. Técnicas e ferramentas que ajudem na implementação destas escolhas tornam-se importantes. Fortalecem-se os sistemas para gerenciamento de projetos como forma de tornar efetivas as ações decorrentes da estratégia.

Os projetos passaram a ter papel fundamental na evolução do ambiente de negócios, no aumento da produtividade e na melhoria da eficácia da gestão. A gestão de projetos agora é um tema recorrente para todas as organizações e diversas metodologias estão surgindo para aprimorar a técnica. Ela visa aumentar a competitividade empresarial otimizando o uso de recursos e facilitando a obtenção dos resultados. A gestão de projetos também constitui requisito essencial para a viabilização econômica de novos produtos/serviços e para a implantação de novos modelos de negócio.

Mesmo assim, apenas ter conhecimento em gestão de projetos pode ser insuficiente para os gerentes de projeto hoje e no futuro. As empresas estão aceitando e precisando correr mais riscos e esperam que os gerentes de projeto mitiguem ou mesmo aproveitem estes riscos. Gerenciar partes interessadas, por exemplo, agora passa a ser tão importante quanto gerenciar tempo e custo. Hoje também existem muitas restrições concorrentes, como por exemplo, aceitação de riscos, manter a reputação, satisfação do cliente, etc. e cada restrição pode ser alterada durante o projeto pois o ambiente de projetos é cada vez mais dinâmico. Assim, elas precisam ser monitoradas e até controladas. constata-se também que boa parte destas restrições são restrições de negócio e, portanto, os gerentes de projetos devem virar gerentes de negócio também.

Mais recentemente, o surgimento de ferramentas visuais baseadas em uma única tela ou quadro, também conhecidas como esquemas, para apoio ao planejamento e  à simplificação do gerenciamento de projetos, possibilitou integrar melhor o gerenciamento do negócio e o gerenciamento dos projetos. Ferramentas visuais permitem um melhor entendimento das grandes partes envolvidas na gestão de projetos e permitem uma interação dinâmica entre os participantes, quando das reuniões de acompanhamento de projeto, por exemplo. Ferramentas visuais também são excelentes para comunicar e integrar o projeto. A comunicação é facilitada considerando que os principais aspectos do projeto a serem comunicados às partes interessadas, podem ser resumidos em uma única tela. Relatórios de desempenho, situação das entregas, progresso dos grandes marcos do cronograma ou mesmo dos grandes custos incorridos podem ser visualizados de forma rápida e transparente. A integração é outro aspecto facilitado, considerando que a monitoração e o controle do projeto com o uso de uma única tela tornam-se mais simples.

Fiz uma reflexão sobre o uso de ferramentas visuais, após diversas experiências, e verifiquei que por mais que elas sejam úteis e tenham facilitado o gerenciamento de projetos elas são pouco dinâmicas e não conseguem acompanhar o projeto durante todo o seu ciclo. Por mais que se queira, a complexidade envolvida na execução de um projeto torna praticamente impossível utilizar um canvas da forma que foi concebido durante todo o ciclo do projeto. Na prática, o gerente de projeto e sua equipe são obrigados a utilizar várias ferramentas para dar conta do gerenciamento ao longo do ciclo de vida.

O LifeCycleCanvas® , uma nova proposta , uma base para a gestão dinâmica de projetos, possibilita acompanhar todo o ciclo de vida do projeto envolvendo iniciação, planejamento, execução, monitoramento e controle, encerramento em uma única tela. Como serve ao ciclo de vida inteiro, permite gerar inúmeros relatórios referentes a cada fase do ciclo, utiliza ferramentas e técnicas distintas alinhadas ao guia PMBOK® e permite documentar o projeto com uma única ferramenta. O LifeCycleCanvas® também olha para a metodologia PRINCE2® e resgatas aspectos importantes como a estrutura para gerenciar grandes projetos e os controles relacionados às entregas e a mudança. Ele apresenta um painel pronto para servir como referência para o status de cada projeto gerenciado. Um verdadeiro painel de bordo. Uma empresa pode ter uma central de resultado , uma sala de situação, para os projetos em andamento ou mesmo em execução,  utilizando os diversos painéis de bordo que representam cada projeto.

cropped-lifecyclecanvas.jpg